BRDE

  • Contato

SALA DE IMPRENSA

Preparação de atletas gaúchos às Olimpíadas de Tóquio tem apoio do BRDE

Data21/06/21
|CategoriaNotícias

Por meio da Lei de Incentivo ao Esporte, o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) tem poiado o projeto olímpico desenvolvido pela Sociedade de Ginástica Porto Alegre (Sogipa), que busca oferecer a atletas de alto rendimento melhores condições de treinos. Além de uma preparação de excelência para as competições nacionais e internacionais, a Sogipa está prestes a enviar entre sete e nove atletas para representar o Rio Grande do Sul e o Brasil nos Jogos Olímpicos de Tóquio, a partir do próximo dia 23 de julho.

Desenvolvido pela o único clube gaúcho que tem quatro medalhas olímpicas nos esportes individuais, o projeto recebe apoio do BRDE há quatro anos. Desde 2017 foram repassados R$ 167 mil. No ano passado, o valor foi de R$ 40 mil. Os repasses foram usufruídos na criação de uma estrutura de treinos, que compreende alimentação, infraestrutura e manutenção das comissões técnicas, além da própria remuneração aos atletas.

Um dos destaques da equipe é a judoca Mayra Aguiar, campeã pan-americana, mundial e medalhista olímpica. Inicialmente a meta do clube era classificar cinco atletas de duas modalidades diferentes para os jogos olímpicos. No entanto, a expectativa possivelmente será superada, com a expectativa de conquistar ao menos uma medalha. Quem já está coma vaga garantida em Tóquio é o atleta de salto triplo, Almir Júnior.

“Sempre foi uma meta ambiciosa que graças a muito trabalho e ao apoio de parceiros, como o BRDE, estamos próximos de alcançar. O valor repassado dá tranquilidade e segurança para os atletas competirem e se desenvolverem”, destacou o presidente da Sogipa, Carlos Wüppel.

 


Almir Júnior, atleta de salto triplo da Sogipa, já tem vaga garantida em Tóquio

Esporte como inclusão social

A Sogipa sempre encarou o esporte como uma poderosa ferramenta de educação e de inclusão social. O clube trabalha o esporte como ferramenta de promoção na formação das crianças e dos jovens. A oferta de treinos de qualidade, a cobrança da disciplina, respeito, dedicação e empatia, desenvolve as potencialidades dos atletas. Não são todos que atingem o ápice de uma carreira bem-sucedida, disputando e vencendo competições internacionais. Mas, mesmo aqueles que não chegam ao estrelato, tornam-se cidadãos, com abertura de oportunidades para uma vida mais promissora.

Neste sentido, na avaliação de Wüppel, o apoio do BRDE é fundamental para a continuidade desta iniciativa. “Acho que estamos no caminho certo, mas a Sogipa não faria nada disso sozinha,” concluiu.

 Incentivos Fiscais

Como agente de desenvolvimento social, econômico e cultural da região onde atua, o BRDE tem como política apoiar, através das leis de incentivos fiscais, diferentes projetos sociais, do esporte, da cultura e da saúde. A inciativa constitui parte de sua política de responsabilidade socioambiental e compromisso com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), aplicando de forma direta recursos no Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná.

Na última quinta-feira (17/6), o banco publicou o edital de seleção para os projetos que serão contemplados em 2021. Os pedidos de apoio aos projetos são recebidos exclusivamente em meio eletrônico, através do Portal de Incentivos, disponibilizado no site do BRDE. No ano passado foram selecionados 106 projetos nos três estados, que totalizaram R$ 4,3 milhões. Desde 2015, foram ao redor de R$ 24 milhões de repasses.


Logo BRDE