BRDE

  • Contato

SALA DE IMPRENSA

Integrada Cooperativa Industrial inaugura empreendimento de R$ 100 mi com apoio do BRDE

Data28/10/15
|CategoriaNotícias

Com investimento de R$ 100 milhões, dos quais R$ 70 milhões financiados pelo BRDE, a Integrada Cooperativa Agroindustrial inaugurou hoje sua Unidade Industrial de Milho, na cidade de Andirá, no Norte do Paraná. A nova indústria da Integrada é uma das mais modernas do País em transformação do milho e atende ao planejamento da cooperativa de ampliar sua capacidade de industrialização, para cada vez mais agregar valor à produção dos cooperados e diversificar receitas.
O presidente da cooperativa, Jorge Hashimoto, disse nesta quarta-feira (28), durante inauguração que, sem o apoio do BRDE seria impossível implantar o novo empreendimento. “Este é o maior investimento da história da cooperativa, é um marco na história da Integrada”, afirmou Hashimoto.
A indústria atual é arrendada e tem capacidade de 165 mil toneladas/ano de derivados de milho. Com a nova unidade, a capacidade passará para 360 mil toneladas por ano. A indústria conta com capacidade estrutural para produzir 400 mil toneladas anuais. A produção é destinada, principalmente, para a indústria de alimentos e de bebidas, como fábricas de salgadinhos, cereais matinais, bolachas, panificação, massas, gorduras vegetais, cervejas e rações. São 24 produtos, entre os quais farinhas especiais, óleo de milho, snacks e flakes. O milho processado ainda é usado na indústria de papel e na mineração.
Construído em uma área de 340 mil metros quadrados, o complexo industrial conta com cinco silos de concreto e três prédios onde funcionam os setores de moagem de milho, produção de amido, armazenamento e expedição. O mais alto deles, onde funcionará o setor de moagem, tem 45 metros de altura, o equivalente a um edifício residencial de 15 andares.
“A matéria prima vai passar por silos herméticos de concreto, que serão totalmente vedados. Não vai haver nenhum contato manual com os produtos e todos os ambientes serão isolados para evitar qualquer tipo de contaminação”, explicou o gerente da Qualidade e Produção da Integrada, Glauco Tironi Garcia.
Na nova planta, foram construídos ainda dois laboratórios para atestar a qualidade e a segurança alimentar em todos os níveis de produção. Esses laboratórios farão todas as análises necessárias para garantir a máxima qualidade dos produtos.
A cooperativa – Criada em 1995 a Integrada Cooperativa Agroindustrial atua no Oeste e Norte do Paraná e no Sul de São Paulo. Com sede em Londrina, possui 58 unidades de negócio. É pioneira na verticalização da cadeia do milho no Estado. A nova indústria utiliza o milho dos cooperados e também compra no mercado. Para produzir 300 mil toneladas por ano, a nova indústria necessita de um volume de milho dez vezes maior do que a produção de Andirá.
Com previsão de faturar mais de R$ 2 bilhões em 2015, a Integrada, tem 8,5 mil cooperados e forte atuação na área de soja, milho, trigo, café e laranja. Há dois anos, inaugurou uma unidade de suco de laranja em Uraí voltada 100% para exportação. Também possui uma unidade de fios de algodão em Assaí e uma indústria de rações para grandes animais e pets em Londrina.
Inauguração – O governador Beto Richa participou da inauguração. “Fico feliz em ver os grandes investimentos das cooperativas paranaenses. De janeiro a setembro deste ano, 36% do total de exportações das cooperativas brasileiras saíram do Paraná, o que mostra a pujança do Estado e o sistema cooperativo organizado, forte e que tem ajudado o Estado”, afirmou o governador. “Temos uma relação muito estreita com todas as entidades que representam os interesses dos produtores rurais, do agronegócio. Temos com as cooperativas essa relação muito forte”, acrescentou Richa. “Nos primeiros quatro anos de gestão, apoiamos 70 projetos de expansão e modernização de cooperativas, com cerca de R$ 1,6 bilhão aportado pelo BRDE”.


Logo BRDE