BRDE

  • Contato

SALA DE IMPRENSA

Instituto do Câncer Infantil amplia assistência a pacientes com o apoio do BRDE

Data16/11/21
|CategoriaNotícias

O Núcleo de Atenção ao Paciente estima beneficiar perto de 500 crianças e adolescentes

O Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) é um dos apoiadores do projeto Núcleo de Atenção ao Paciente, desenvolvido pelo Instituto do Câncer Infantil (ICI), que busca melhorar a qualidade de vida dos pacientes e de seus familiares e ampliar o alcance da assistência oferecida pela instituição que funciona em Porto Alegre. Referência no atendimento de crianças e adolescentes com câncer, o Instituto completa neste ano 30 anos de atuação.

Segundo o Instituto Nacional de Câncer (INCA), o número de novos casos de câncer infantojuvenil esperados para o Brasil, para cada ano do triênio 2020-2022, é de 8.460. No Rio Grande do Sul, a estimativa é de que 450 crianças e adolescentes desenvolvam a doença no mesmo período, sendo que a maior parte dos casos são tratados em centros oncológicos de Porto Alegre. Assim, o projeto apoiado pelo BRDE é fundamental para a promoção da saúde de crianças e adolescentes que enfrentam o câncer no Estado.

As atividades do Núcleo de Atenção ao Paciente envolvem diversas áreas, como Serviço Social, Nutrição, Psicologia, Pedagogia, Psicopedagogia, Odontologia, Fonoaudiologia, Fisioterapia e Oncopediatria. Os pacientes e seus familiares recebem atendimentos multidisciplinares e podem participar de oficinas culinárias e de artesanato como forma de geração de renda, bem como de programações divertidas para amenizar o sofrimento do tratamento do câncer infantojuvenil. Além disso, os beneficiários recebem doações de cestas básicas, roupas, medicamentos, auxílios para transporte e para a realização de exames especiais.

Valorização da vida

Estima-se que até o final de sua execução, que depende de recursos externos, o projeto do ICI consiga contemplar cerca de 494 pessoas. Com o intuito de valorizar a vida e a infância, em 2019 o BRDE destinou mais de R$ 30 mil para a iniciativa.

Segundo Valéria Gerbatin Braz Foletto, gerente institucional do ICI, os recursos repassados pelo BRDE foram totalmente aplicados no projeto, especialmente na manutenção e no aprimoramento dos serviços prestados aos pacientes e seus familiares. “O investimento foi para o pagamento dos profissionais dedicados ao projeto, incluindo salários, encargos e benefícios, material de consumo, alimentos, material pedagógico, capacitação dos profissionais, ampliação de algumas áreas multiprofissionais, assim como despesas gerais para a prestação de um serviço de qualidade para comunidade assistida”, explicou ela.

Instituo conta com o apoio em diferentes projetos

Desde 2017, o Instituto do Câncer recebe recursos do banco. Além do Núcleo de Atenção ao Paciente, outros projetos foram apoiados, como o `Manutenção e Qualificação do Ambiente’ e ‘Multiplicando conhecimento para salvar vidas: Programa de Capacitação para Equipes Multidisciplinares em Atenção Primária e Terciária’, somando repasses passam de R$ 120 mil.

“O BRDE tem uma importância significativa no Instituto do Câncer Infantil e no projeto do ‘Núcleo de Atenção ao Paciente’. Ter o Banco ao nosso lado faz toda a diferença para nossos projetos e principalmente para a assistência integral das crianças e adolescentes que enfrentam a doença”, concluiu Valéria.

Importância redobrada

Desde 2020, o cuidado do ICI foi redobrado, assim como a importância dos investimentos destinados ao Instituto e seus projetos. A pandemia de Covid-19 mudou a vida de todos e representa uma ameaça ainda maior para as crianças com câncer e suas famílias, que não podem interromper o tratamento da doença.

“Nossa equipe foi solidária aos nossos pacientes e suas famílias e fiel aos compromissos institucionais, entendendo a importância e necessidade de mantermos as portas abertas. O ICI pode orgulhar-se de ter mantido pleno atendimento, sempre tomando todos os cuidados ao seguir rigorosamente as medidas de prevenção contra o Covid recomendadas pelas autoridades”, afirmou a gerente.

Incentivos Fiscais

Como agente de desenvolvimento social, econômico e cultural da região onde atua, o BRDE tem como política apoiar, através das leis de incentivos fiscais, diferentes projetos sociais, do esporte, da cultura e da saúde. A inciativa constitui parte de sua política de responsabilidade socioambiental e compromisso com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), aplicando de forma direta recursos no Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná.

Neste ano, ao todo 427 entidades concluíram o cadastramento dos seus projetos em busca do apoio do Banco. Concluído o período de inscrições, as comissões internas das Agências de Porto Alegre (RS), Florianópolis (SC) e Curitiba (PR) iniciaram as análises dos projetos.  Este trabalho tem término previsto para o dia 19 de novembro, quando já serão conhecidos também os valores que o BRDE irá disponibilizar neste ano para repassar às entidades selecionadas.

Em 2020 foram selecionados 106 projetos nos três estados, que totalizaram R$ 4,3 milhões. Desde 2015, foram ao redor de R$ 24 milhões de repasses.


Logo BRDE