BRDE

  • Contato

SALA DE IMPRENSA

BRDE recebe R$ 101 milhões em solicitações de financiamento durante Expodireto

Data15/03/16
|CategoriaNotícias

A cidade de Não-me-Toque, no Rio Grande do Sul, sediou uma das maiores feiras do agronegócio da América Latina, a 17ª Expodireto Cotrijal, de 7 a 11 de março. Durante o evento, o BRDE recebeu pedidos de financiamento que, somados, atingem R$ 101 milhões.
O gerente de Planejamento da agência BRDE no Rio Grande do Sul, Alexander Leitzke, explica que as solicitações estão concentradas em projetos de armazenagem, irrigação e em linhas específicas para cooperativas. “Ficamos muito satisfeitos com a demanda que encontramos na feira, considerando o momento econômico. A Expodireto é um grande evento e continua tendo um potencial de geração de negócios muito atrativo.”
A Cotrijal, cooperativa organizadora da feira, divulgou que durante os cinco dias de evento passaram pela Expodireto mais de 210 mil pessoas. O volume de negócios fechados superou R$ 1,58 bilhão, o que representa um recuo de 28% frente ao ano anterior. As instituições financeiras foram responsáveis por R$ 1,23 bilhão em negócios.
COASA – Entre os protocolos de intenções firmados durante o evento pelo BRDE, estão investimentos de R$ 8,2 milhões da Cooperativa Agrícola Água Santa Ltda. – COASA, para o projeto de ampliação das unidades de armazenagem de grãos em Caseiros e Laranjeiras. A operação possibilitará também a construção de uma nova unidade em David Canabarro, bem como a aquisição de equipamentos para melhorar a logística junto aos associados da COASA.
O presidente da COASA, Orildo Belegante, salientou o papel do BRDE no crescimento da cooperativa. Segundo ele, a COASA deve ao apoio do BRDE o porte e o volume de negócios que alcançou, pois desde o primeiro financiamento, em 2005, todos os projetos de ampliação das operações e de expansão da área de atuação têm sido realizados com suporte do Banco.
Para Leitzke, foi uma satisfação estar presente na assinatura do protocolo, 11 anos depois do primeiro financiamento. Isso porque ele foi um dos analistas que recomendou o crédito ao primeiro projeto. “O reconhecimento da importância dessa primeira operação para a cooperativa, assim como as que se seguiram – que envolveram muitos outros analistas – foi, para nós, motivo de grande satisfação e recompensa profissional.”
O Banco também assinou protocolo de intenções com a Universidade de Passo Fundo – UPF, para disponibilizar linhas de crédito para pequenas, médias e grandes empresas ligadas ao Polo Científico e Tecnológico da UPF. Estiveram no espaço do BRDE o reitor da UPF, José Carlos Carles de Souza, e o coordenador do Polo Científico e Tecnológico da UPF, Marcos Citolin. Ambos destacaram o objetivo compartilhado pelo BRDE e a UPF de fomentar iniciativas inovadoras em todos os setores.
O BRDE também firmou o Termo de Cooperação com a Secretaria da Agricultura, Pecuária e Irrigação do Rio Grande do Sul – SEAPA referente à conservação do solo e da água.


Logo BRDE