BRDE

  • Contato

SALA DE IMPRENSA

BRDE promove seminário sobre investimentos em energias renováveis e seus impactos no desenvolvimento

Data11/08/21
|CategoriaNotícias

 

Evento inicia na próxima segunda-feira, 16/8, com participação do setor público e principais agentes financeiros de apoio a projetos sustentáveis

Os principais desafios para incentivar a geração de energia por fontes renováveis, as alternativas em termos de financiamento e o quanto a demanda de diferentes setores produtivos trazem de impacto ao desenvolvimento regional e nacional. Esses serão temas que estarão em debate no seminário Energias Renováveis e Desenvolvimento, promovido pelo Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) e que inicia na próxima segunda-feira (16/8).

Com a participação do Ministério de Minas e Energia e representantes dos governos dos três estados do Sul do país, o evento terá a duração de três dias, sempre a partir das 14 horas e com transmissão aberta pelo canal do Youtube do banco. A programação do primeiro dia vai abordar justamente as políticas públicas de fomento ao setor.

Importantes organismos financeiros internacionais, que já atuam em parceria com o BRDE oferecendo alternativas inovadores de acesso ao crédito, estarão expondo suas diretrizes em termos de apoio a projetos sustentáveis. O BNDES também participará do painel organizado para a terça-feira (17/8).

A partir de recursos captados em fontes do exterior, o banco já opera com linhas de financiamento para implantação e modernização de unidades geradoras de energia hidráulica, solar, eólica e demais energias renováveis, assim como a aquisição de turbinas, geradores fotovoltaicos e aerogeradores. O banco igualmente tem presença em projetos com unidades de produção de biodiesel.

Agenda sustentável

Na avaliação da diretora-presidente do BRDE, Leany Lemos, a crise hídrica que afeta a produção de energia no Brasil, elevando os custos tanto ao consumidor doméstico e como para as empresas, reforça ainda mais a necessidade de uma maior segurança energética e estimula o debate em torno de fontes alterativas. “Na verdade, esse é um desafio que já vem de algum tempo na agenda de sustentabilidade global e que também representa forte impacto em termos de competitividade. Se tivermos um crescimento mais efetivo da nossa economia, a demanda por energia poderá ser um grande obstáculo”, observou ela.

Além de uma política de apoio a projetos estruturais, Leany Lemos observa que a geração de energia com fontes alternativas em pequenas unidades, tanto nas empresas como e nas propriedades rurais, representa um caminho muito promissor. “São exemplos onde é possível suprir a necessidade de energia, agregando ganhos ambientais e com menor custo”, destaca a presidente.

As principais entidades que representam a geração de energia com fontes renováveis participam do terceiro e último dia do seminário. A ideia do painel de encerramento é mensurar as potencialidades do setor. A participação no evento não exige inscrição prévia.

Confira a programação completa.

Para acompanhar o Seminário, acesse:


Logo BRDE