BRDE

  • Contato

SALA DE IMPRENSA

Agência paranaense do BRDE atinge R$ 1 bilhão em financiamentos em 2016

Data26/12/16
|CategoriaNotícias

Num ano difícil para a economia nacional, o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) tem garantido recursos para que centenas de empreendedores paranaenses continuem a investir em seus negócios.
Em novembro, a agência paranaense do banco atingiu a marca de R$ 1 bilhão em contratações. O valor refere-se a um total de 1.625 contratos de financiamentos assinados entre janeiro e novembro de 2016.
Na avaliação do superintendente da Agência Paraná do BRDE, Paulo Cesar Starke Junior, o resultado indica que a demanda por financiamentos tem-se mantido equivalente à do ano passado, quando o BRDE atingiu seu recorde histórico de aplicações, de R$ 3,35 bilhões, dos quais R$ 1,5 bilhão foi contratado pela agência paranaense do banco.
Mas o perfil das demandas se modificou em relação a 2015, com o aumento no número de solicitações de capital de giro, que normalmente eram supridas por bancos comerciais.
“Como os bancos privados comerciais saíram do mercado, diminuindo a oferta de crédito, o BRDE precisou suprir parte dessa demanda. Assim, já alcançamos R$ 1 bilhão em contratações em novembro e até o final do ano devemos nos aproximar da meta inicial de R$ 1,3 bilhão em financiamentos”, explica Starke.
ÔNIBUS – Empresas de todos os portes e setores da economia obtiveram recursos do BRDE entre janeiro e novembro deste ano. Uma delas foi a Mascarello Ônibus, com sede em Cascavel, no Paraná, que financiou neste ano R$ 10 milhões pelo BRDE. A empresa é a primeira do segmento instalada no Paraná e integra o Grupo Mascarello, que engloba também a Comil Silos e a Mascor Empreendimentos Imobiliários. No total, o grupo emprega 1.700 pessoas, além de gerar centenas de empregos indiretos.
“Nossa parceria com o BRDE existe desde nossa primeira fábrica, inaugurada em 2003. A partir daí todos os nossos grandes projetos buscaram apoio do banco. É uma parceria para sempre”, diz a presidente do Grupo Mascarello Iracele Mascarello.
Com produção diária de 12 ônibus por dia, sendo metade destinada à exportação para países da América Central e do Sul, a empresa pretende consolidar e ampliar sua lista de clientes internacionais, atingido também países como Guatemala e Honduras.
EXPORTAÇÕES – A Mascarello vai impulsionar suas exportações através da linha de crédito BNDES EXIM, específica para financiamento à exportação de bens de fabricação nacional, como máquinas, equipamentos, bens de consumo e serviços a eles associados. Empresas de todos os portes que visem o mercado externo podem solicitar os financiamentos.
“Há uma circular do BNDES que traz a relação dos produtos financiáveis pelo programa. A equipe do BRDE faz a consulta e verifica se a empresa de enquadra no BNDES EXIM. Também há casos em que o empresário vem ao banco sem conhecer o programa e são os técnicos que fazem a sugestão. O banco sempre busca encontrar a linha de crédito mais adequada às necessidades do empresário e com as melhores condições”, lembra o vice-presidente e diretor administrativo do BRDE, Orlando Pessuti.
MICRO E PEQUENAS – O BRDE também tem financiado diversos projetos de micro e pequenas empresas. Entre janeiro e novembro, foram assinados 87 contratos, totalizando R$ 94,316 milhões. Além de ser uma instituição de crédito capaz de atender praticamente todas as demandas do segmento, o banco tem conquistado clientes pelo tratamento diferenciado. Na agência paranaense do BRDE até uma gerência especializada foi criada para atendimento às micro e pequenas empresas, oferecendo além de crédito orientação e apoio técnico.
“Ao contrário de outras instituições de crédito que em momentos de instabilidade financeira têm dificuldade em manter o crédito, o BRDE garante os financiamentos a quem precisa de recursos para produzir mais e melhor, independentemente do porte ou segmento”, explica o diretor de operações do banco, João Luiz Agner Regiani.
contrato


Logo BRDE