BRDE

  • Contato

SALA DE IMPRENSA

BRDE terá linha de crédito específica para equidade de raça, gênero e redução de desigualdades

Data21/07/22
|CategoriaNotícias

Financiamento incluirá quilombolas e comunidades indígenas, com o banco reduzindo tarifas

Mesmo sendo maioria no total da população brasileira e entre as pessoas com algum tipo de atividade profissional, os negros respondem por menos da metade na comparação com os brancos em termos de ocupação de cargos gerenciais nas empresas. Realidade semelhante se repete quando são confrontados os percentuais de desocupados: 64,2% são de quem se identifica como de raça negra ou parda, contra 34,6% da população branca.

Com o objetivo de se aliar aos esforços para mudar esse cenário de desigualdades sociais históricas que mostra a última Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD), ainda de 2018, o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) acaba de aprovar a criação de uma linha de crédito específica voltada para a equidade de raça e gênero.

Através do programa BRDE Equidade, o banco está oferecendo nos três estados da região Sul mecanismos de financiamento para promover o desenvolvimento social e apoiar o empreendedorismo como caminho para reduzir as desigualdades de raça e cor. Populações em situação de vulnerabilidade ou de risco social, baixa renda, trabalho precário ou informal, nos cortes de raça e gênero, incluindo a valorização de comunidades tradicionais como quilombolas e povos indígenas, constituem o público-alvo do programa.

A iniciativa reforça o compromisso do BRDE em favor da pauta ESG e a aproxima ainda mais as operações com os parceiros internacionais em favor da Agenda 2030. As ações específicas de crédito serão destinadas aos beneficiários do microcrédito desde que estabeleçam recortes de gênero e raça com benefícios à pequenas iniciativas empreendedoras.

Para tanto, o BRDE pretende atuar com a parceria de cooperativas de crédito e OCIPs como medida a viabilizar a um número maior de clientes o financiamento de valores menores (microcrédito). O banco está se comprometendo, também, a retirar parte das tarifas internas de análise e de fiscalização dos contratos, assim como reduzir o percentual de comissão. A resolução que criou programa BRDE Equidade foi aprovada em reunião de Diretoria ocorrida na última terça-feira (12) e já está em vigor.


Logo BRDE