NOTÍCIAS BRDE

BRDE no Paraná apoia 36 projetos culturais, de esporte e inclusão social via leis de incentivos em 2017

Por: Imprensa - PR

Como parte de sua política de Responsabilidade Socioambiental, o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) apoiou em 2017 no Paraná 36 projetos via leis de incentivos fiscais, no valor de R$ 1,2 milhão. Nesta quarta-feira (27), o diretor-presidente Orlando Pessuti recebeu, em Curitiba, entidades e instituições contempladas com os recursos.

“A presença de vocês hoje, nesse momento de celebração da fé cristã, valoriza o BRDE como instituição indutora do desenvolvimento, da geração de emprego e renda e também da promoção da cultura, do esporte, da saúde e da qualidade de vida das pessoas. Valoriza, porque as ações de vocês estão construindo um mundo melhor”, afirmou Pessuti.

Os contemplados foram parabenizados pela aprovação dos projetos e receberam cartas com os valores repassados. A superintendente da Agência Paraná do BRDE, Juliana Dallastra, abriu o evento falando dos esforços que o Banco faz todos os anos para continuar contribuindo com a inclusão social e um maior acesso das pessoas à saúde, esporte e cultura.

A gestora de Ações Estratégicas e Projetos do Hospital do Câncer de Londrina, Mara Rossival Fernandes, fez um depoimento emocionado, lembrando que há 9 anos a instituição passava por sérias dificuldades financeiras e buscou ajuda no BRDE.

“O BRDE entrou na nossa vida e não mediu esforços para nos atender. Hoje, o empréstimo está pago e o hospital passou de uma área de atendimento de 6 mil metros quadrados para 22 mil metros quadrados”, comemorou a gestora.

Pelas leis de incentivos fiscais, o Banco apoiou neste ano projetos em todo Paraná por meio da Lei de Incentivo à Cultura e ao Audiovisual (Lei Rouanet), Lei de Incentivo ao Esporte, os fundos para Infância e Adolescência (FIA) e Municipal do Idoso e o Programa Nacional de Apoio à Atenção Oncológica (PRONON).

Contemplados – Entre os projetos aprovados estão o Esperança Solidária, da Associação Paranaense de Apoio à Criança com Neoplasia e o projeto Qualificar – Ampliação e Garantida de Qualidade de Vida para Crianças e Adolescentes com Deficiências Múltiplas, do Pequeno Cotolengo do Paraná, ambos apoiados via Fundo da Infância e Adolescência.

Pela Lei Rouanet, foram selecionados, entre outros, os projetos do Instituto Cultural de Danças e Artes Folclóricas, da Associação de Bailarinos e Apoiadores do Balé Teatro Guaíra, do Circo Zanchettini, da Coperarte – Sudoeste, da Harmonia Associação Cultural e Assistencial e da empresa Laz Audiovisual.

Pela Lei de Incentivo ao Esporte, foram contemplados os projetos Futsal na Escola, de Cascavel; Handebol de Ponta, de Ponta Grossa; Handebol Toledano, de Toledo; Jogando Pela Vida, de Francisco Beltrão, e o Programa de Fomento e Inclusão Social no Rugby em Cadeiras de Rodas, de Curitiba.

Pelo PRONON, foram aprovados os projetos dos Hospitais do Câncer de Londrina e Cascavel, da Associação dos Amigos do Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná e da Fundação de Estudos das Doenças do Fígado Koutoulas-Ribeiro (Hospital São Vicente), ambos em Curitiba. Pelo Fundo do Idoso, foi contemplado outro projeto apresentado pelo Hospital de Clínicas.

HOMENAGEADOS EM NOME DOS 36 CONTEMPLADOS

ASSOCIAÇÃO DOS AMIGOS DO HOSPITAL DE CLÍNICAS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ
ASSOCIAÇÃO DE BAILARINOS E APOIADORES DO BALÉ TEATRO GUAÍRA
LAZ AUDIOVISUAL LTDA
ASSOCIAÇÃO PARANAENSE DE APOIO À CRIANÇA COM NEOPLASIA
PEQUENO COTOLENGO DO PARANÁ DOM ORIONE
SAÚDE ESPORTE – SOCIEDADE ESPORTIVA
FUNDAÇÃO ECUMÊNICA DE PROTEÇÃO AO EXCEPCIONAL
MARCELLO ANDRADE DOS SANTOS
EDITORA JORNAL DE BELTRÃO S/A
HARMONIA ASSOCIAÇÃO CULTURAL E ASSISTENCIAL
INSTITUTO CULTURAL DE DANÇAS E ARTES FOLCLÓRICAS
COPERARTE – SUDOESTE
UNIÃO OESTE PARANAENSE DE ESTUDOS E COMBATE AO CÂNCER
INSTITUTO DO CÂNCER DE LONDRINA
FUNDACAO DE ESTUDOS DAS DOENÇAS DO FÍGADO KOUTOULAS – RIBEIRO



VOLTAR