NOTÍCIAS BRDE

BRDE presente na Expoingá 2017 com linhas para o agronegócio, energia e sustentabilidade

Por: Imprensa - PR

A Agência Paraná do BRDE participa até o próximo domingo (14) da 45ª Exposição Feira Agropecuária, Industrial e Comercial de Maringá – Expoingá 2017, com a oferta de linhas de financiamento para projetos de todos os setores da economia. Durante a Expoingá, o BRDE liberará recursos a empresários e produtos rurais da região.

O Banco apoia a Expoingá e tem estande próprio na feira para atendimento a parceiros e novos clientes. O BRDE levou para a feira linhas com taxas e prazos de pagamento diferenciados para projetos da cadeia do agronegócio, de produtores rurais, empresas de todos os tamanhos e dos setores de inovação, sustentabilidade e energia.

A feira foi aberta oficialmente na sexta-feira (5), com a presença do governador Beto Richa, dos diretores do BRDE Orlando Pessuti e João Luiz Regiani e técnicos do Banco. Participaram também a vice-governadora Cida Borghetti e o ministro da Saúde, Ricardo Barros, além de empresários e lideranças do setor agropecuário da região. “A Expoingá muito nos orgulha, por ter se consolidado como uma das maiores feiras agropecuárias do país”, disse Richa.

A presidente da Sociedade Rural de Maringá (SRM), que promove a feira, Maria Iraclézia de Araújo, afirmou que a Expoingá traz o que há de melhor em tecnologia para o agronegócio. “E as instituições financeiras aqui presentes vieram para fazer a diferença e financiar quem produz”, acrescentou.

“Para o BRDE, como banco propulsor do desenvolvimento do nosso Estado, é um orgulho estar novamente participando da Expoingá, uma das principais feiras agropecuárias do país, que ao longo dos anos consolidou-se como uma grande vitrine de produtos, novas tecnologias, máquinas e equipamentos”, afirmou o diretor de Operações do BRDE, João Luiz Regiani.

“Tudo que está dentro desse parque de exposições representa a vida do BRDE. Aqui estão a agricultura, a pecuária, o setor florestal, o comércio e a prestação de serviços, segmentos que são financiados pelo banco”, disse o diretor Orlando Pessuti. “O banco está aqui para dar continuidade a esse trabalho de parceria com o empreendedorismo, com o desenvolvimento”.

Financiamento - O BRDE poderá fechar negócios na Expoingá para apoio ao agronegócio e projetos de geração de energia e eficiência energética; pesquisa e desenvolvimento de novos produtos e serviços; uso racional e eficiente da água; gestão de resíduos e reciclagem, recuperação de pastagens e sistemas de integração lavoura-pecuária-florestas.

As linhas do BRDE para o agronegócio financiam a compra de máquinas e equipamentos; armazenagem; ampliação e construção de unidades frigoríficas e de beneficiamento; projetos de inovação tecnológica, modernização, florestas, comercialização de produtos da agropecuária, aquisição de matrizes e reprodutores, entre outros itens.

Exposição - A Expoingá é um dos maiores eventos do agronegócio e entretenimento do Paraná. Recebe todos os anos em torno de 500 mil visitantes e empreendedores. Durante a feira, patrocinadores e expositores dos setores do agronegócio, indústria, comércio e serviços encontram o cenário propício para apresentar e lançar produtos, gerando grande volume em negócios e prospectando novos clientes.

Com a expectativa de comercialização de aproximadamente R$ 400 milhões entre negócios gerados e prospectados, a 45ª Expoingá tem mais de mil expositores confirmados da agropecuária, indústria, comércio e prestação de serviços de oito estados, além de instituições financeiras.

Na programação estão 70 atrações culturais, onze shows com grandes artistas nacionais, exposição, julgamento e leilão de animais, além de dezenas de estandes de gastronomia, rodeios, a tradicional barraca universitária e a fazendinha, feira de produtos da agroindústria familiar.

Maringá e região - A mesorregião Norte Central Paranaense, da qual Maringá faz parte, é considerada uma região estratégia para o BRDE. A região concentra grandes clientes do banco, como cooperativas e empresas de vários setores da economia, além dos negócios gerados no segmento de comércio e serviços.

De 2011 a 2016, os investimentos do BRDE na mesorregião chegaram a R$ 1,13 bilhão, dos quais mais de R$ 400 milhões liberados a empreendedores da microrregião de Maringá. Só para projetos da indústria de transformação da região de Maringá foram contratados financiamentos no valor de R$ 146 milhões.



VOLTAR