Capital de Giro Associado a Investimento Fixo - BRDE - Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul

Capital de Giro Associado a Investimento Fixo

Capital de Giro Associado a Investimento Fixo



Capital de Giro Associado a Investimento Fixo

O BRDE financia a necessidade de capital de giro associada aos investimentos fixos realizados. O investimento deverá ser calculado em função das necessidades específicas do empreendimento.

Beneficiários:

Empresas de qualquer porte que tenham captado recursos para investimentos fixos por meio de programas do BRDE.

Itens financiáveis:

Capital de giro associada aos investimentos fixos realizados.

Participação:

Poderá corresponder, no máximo, aos seguintes percentuais, aplicados sobre o investimento fixo financiável:

– Microempresas: até 70% aplicados sobre o investimento fixo financiável;

– Pequenas empresas: até 40% aplicados sobre o investimento fixo financiável;

– Médias empresas: até 40% aplicados sobre o investimento fixo financiável;

– Grandes empresas: até 15% aplicados sobre o investimento fixo financiável.

As condições financeiras são idênticas às condições do financiamento das inversões fixas apoiadas, conforme o porte da empresa. Para mais informações acesse PMPE e Grandes Empresas.

Prazos:

Dependerão da modalidade de financiamento destinada ao investimento fixo.

Carência:

Dependerá da modalidade de financiamento destinada ao investimento fixo.

 

Capital de giro associado à aquisição de máquinas e equipamentos

O BRDE financia Capital de giro associado à aquisição isolada de máquinas e equipamentos nacionais novos, em operações realizadas com micro, pequenas e médias empresas.

Beneficiários:

micro, pequenas e médias empresas.

Itens Financiáveis:

Capital de giro associado à aquisição de máquinas e equipamentos.

Participação:

– Microempresas: A parcela financiável de capital de giro associado será limitada a 50% do valor dos equipamentos.

– Pequenas e Médias empresas: a 30% do valor dos equipamentos.

Encargos:

Serão os mesmos aplicados ao financiamento das máquinas e equipamentos aos quais esteja associado.

Prazos:

Serão os mesmos aplicados ao financiamento das máquinas e equipamentos aos quais esteja associado.

Carência: Dependerá da modalidade de financiamento destinada ao investimento fixo.

ATENÇÃO: O financiamento ao capital de giro associado não se aplica a:

– Financiamento de ônibus, chassis e carrocerias para ônibus, caminhões, caminhões-tratores, carretas, cavalos-mecânicos, reboques, semirreboques, chassis e carrocerias para caminhões – aí incluídos semi-reboques tipo dolly e afins – carros-fortes e equipamentos especiais adaptáveis a chassis – tais como plataformas, guindastes, betoneiras, compactadores de lixo e tanques – novos, devidamente registrados no órgão de trânsito competente;

– Aquisição de máquinas rodoviárias e equipamentos para pavimentação, máquinas e implementos agrícolas;

– Operações de empresas locadoras de equipamentos;

– Setor de serviços.